Alegrão

  • calendário

    Agosto 2017
    S T Q Q S S D
    « Mar    
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    28293031  
  • Entradas Mais Populares

  • Categorias

  • arquivo

Archive for the ‘Saúde’ Category

Guerra ao colesterol

Posted by alegrão em Junho 25, 2007

  Alimentos Aconselhados Alimentos Desaconselhados
Carne e peixe Carnes brancas (frango, perú, coelho, cavalo);
Peixe gordo (salmão, sardinha, arenque, atum, lampreia);
Corvina, faneca, linguado, carapau, pescada, tamboril, solha, peixe espada, garoupa, pargo (com moderação)
Bife de vaca, carne de porco, cordeiro, de carneiro;
Charcutaria, enchidos, presunto;
Vísceras;
Alimentos pré-confeccionados;
Mariscos;
Bacalhau
Pão e farináceos Pão e tostas;
Batatas, massas, arroz, farinha (se não houver excesso de peso)
Bolos
Ovos 1 ovo por semana(a clara é permitida)  
Legumes verdes Todos os legumes verdes  
Leite e queijo Leite magro (líquido ou em pó);
Iogurte magro;
Queijos frescos com 0% gordura
Todos os outros leites e leite condensado;
Iogurtes de fruta;
Outros queijos;
Natas
Frutas Todos os frutos frescos, crus, ou cozidos, sem açucar;
Nozes, avelãs, pistachio (com moderação)
Frutos gordos: noz, pinhão;
Frutos secos: ameixas;
Frutos em calda
Condimentos Mostarda, vinagre, ervas aromáticas, sumo de limão;
Molho de tomate sem gordura
Azeitonas;
Molhos de conserva;
Maionese
Açucar e adoçantes Edulcorantes (sacarina, hermezetas) Açucar e todas as preparações açucaradas;
Mel, compotas, chocolate, rebuçados, etc
Gorduras Gorduras polinsaturadas (óleo de girassol, de milho, soja);
Azeite
Manteiga e margarinas;
Toucinho e banha;
Óleos de amendoim e de côco
Bebidas Água;
Chá e café;
Sumos de fruta frescos
Álcool;
Sumos de fruta açucarados, xaropes, laranjadas, etc

Há uns tempos, ao fazer análises, observei que pela primeira vez na minha vida tinha colesterol. Decidi declarar guerra ao peso e ao dito. O médico deu-me um folheto com esta informação que segui à risca durante um ano e meio. Resultado: a guerra ao peso ficou a um pequeno passo de estar ganha. Quanto ao colesterol, vou ter que voltar a seguir religiosamente este folheto… Talvez depois das férias…

Se alguém tiver problemas de hipercolesterolémias, 😯 experimentem!

Posted in Saúde | 10 Comments »

Coisas do coração no dia dos namorados

Posted by alegrão em Fevereiro 15, 2007

Ontem, a caminho do escritório, vinha a ouvir na rádio o que faz mal ao coração: aquelas coisas que todos sabemos: fumar, gorduras em excesso, sal, etc, etc, etc. Fiquei surpreso ao saber que sopas instantâneas e cereais para o pequeno almoço, são alimentos que contêm sal em excesso. Não é que consuma muitas sopas instantâneas, mas gosto muito de flocos, “normais” ou em barritas. Logo de seguida, como era dia dos namorados, deram uma publicidade a bombons. Fiquei muito aliviado. Logo a seguir a um programa daqueles, concerteza os bombons não fariam mal à saúde…

O trabalho ultimamente é mais que muito, mas a meio da tarde, a maior aflição estava controlada. Nessa altura, ligou-me um amigo (do coração) a oferecer-me bilhetes para ir ao Estádio da Luz ver o Benfica a jogar contra o Dínamo de Bucareste. O jogo não foi muito bom para o coração: foram oitenta e nove minutos de muito sofrimento. Os romenos eram coxos, não jogavam nada, mas o Benfica não lhe ficava atrás… As “bocas” dos adeptos é que iam dando para disfarçar o natural nervosismo do jogo. Ouviam-se expressões de incentivo como: “Anda Nuno!”, “Caaaalma Petit!…” (não fosse ele partir uma perna a um romeno) “Anda puto!”. No final, as expressões já continham palavrões daqueles bem pesados, mas outras até estavam giras, “Eh pá! F***-se! Mais valia ter ficado em casa e jantado à luz das velas!”. Mas, aos oitenta e nove minutos, o coração aliviou finalmente.

E foi assim que se passou mais um dia dos namorados, um dia como tantos outros. Para mim, o dia dos namorados é como o de Natal: é quando um Homem quiser. É o dia em que devemos pensar no nosso coração, no meu caso, todos. Eu pensei. E nada melhor que a música que irei publicar a seguir para lembrar e fazer bem ao coração.

Posted in Desporto, Pensamentos, Saúde | 4 Comments »

Aproxima-se o Dia Mundial do Coração

Posted by alegrão em Setembro 20, 2006

É já no próximo dia 24 de Setembro. Tentem fazer alguma coisa por ele. Mexam-se!

Eu vou à Meia Maratona de Portugal, ou seja, vou passar a ponte a pé (pontapé).

Meia Maratona 2005 partida

No ano passado, eu estava lá para o fundo, bem no fundo.

Posted in Desporto, Lazer, Saúde | 6 Comments »

Células estaminais sem destruição de embriões

Posted by alegrão em Agosto 25, 2006

Microscopio

Investigação: Criadas células estaminais sem destruição de embriões.

A descoberta de cientistas norte-americanos pode acabar com as reservas éticas na produção de células estaminais. O estudo dá conta de uma técnica que não implica a destruição de embriões.

Para Daniel Serrão, membro do Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida, a produção de células estaminais sem destruir o embrião é uma notícia “verdadeiramente extraordinária, confirmando que a ética não é inimiga da ciência – quando a ética levanta dificuldades estimula a ciência a resolver os problemas“.

Nós sempre dissemos que o embrião tem direito absoluto à vida e ao desenvolvimento“, sublinha.

24/08/2006, Rádio Renascença

Num parecer do Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida, o mesmo professor refere:

…porque sou a favor da não-utilização de embriões, crio-preservados ou não, em investigação que os destruam…“.

Até aqui tudo coerente, mas… Será que se não fossem destruídos muitos embriões, se teria chegado ao avanço que se chegou hoje?

Com certeza que se não se tivesse inventado a roda, hoje não haveriam carros, certo?

E como se diz na RFM: já agora, vale a pena pensar nisto…

Posted in Pensamentos, Saúde | 9 Comments »

Peso e boa disposição

Posted by alegrão em Junho 30, 2006

Ao ler um comentário à publicação de ontem, comecei a divagar… A resposta ao comentário começou a ganhar contornos de publicação. Aqui fica então o comentário e a resposta.

Zita said…
Posso estar enganada mas a impressao que tenho dos apresentadores de Tv com peso a mais é a de que se “gabam” desse mesmo peso. Porque nao encaram com mais naturalidade. Desculpe se fui despropositada mas nao suporto eles falarem no prazer de comer etc etc.

Zita, eu acredito que as pessoas com excesso de peso são geralmente mais bem dispostas. Acredito por experiência própria. Contudo, esta boa disposição pode ter duas vertentes: a forçada e a genuína. Na primeira, penso que o facto de a pessoa não encarar com naturalidade ter peso a mais, é uma “defesa” que ela própria tem de forma a esconder dos outros os seus complexos. Na segunda vertente, a pessoa aceita e aprende a viver com o corpo que tem e é verdadeiramente feliz. Eu já agi da primeira forma em tempos, felizmente aprendi a viver com o corpo que tenho e depois consegui “arranjar” força de vontade para perder algum do imenso peso que tinha a mais.

Agora vem a parte díficil… É que vou falar no prazer de comer… Acredite que o que custou mais para mim foi “cortar” com certos alimentos. Aceito que certas pessoas não “sintam” prazer a comer, até conheço muitas, mas eu sinto mesmo gosto em deleitar-me com uma “bela” mousse de chocolate que já não como desde Fevereiro (até isto está controlado…).
Para terminar, quero salientar que não considero o comentário despropositado, aceito a opinião. Eu não a quero mudar, mas considere a minha experiência, o meu ponto de vista e vai ver que irá aceitar melhor algumas piadas dos comentadores de Tv.
Agradeço a visita e o comentário. Beijo.

Posted in Pensamentos, Saúde | 9 Comments »

Força de vontade

Posted by alegrão em Junho 7, 2006

No mês de Novembro de 2004 tive um pequeno problema de saúde. Fiz análises e, pela primeira vez, foi-me detectado um elevado nível de colesterol. O nível do chamado “Mau colesterol” estava bastante acima do valor aconselhado enquanto que o nível de LDL (o chamado bom colesterol) se encontrava muito abaixo. O valor total era… 270.
O médico fez o papel dele: assustou-me. Nesse verão encontrei um amigo na praia que tinha perdido 26 Kgs em relação ao ano anterior. O problema do colesterol não está directamente ligado ao excesso de peso, na realidade eu conheço pessoas muito magras que sofrem daquele problema, mas estavam criadas as condições para eu decidir que era capaz de começar a perder peso.

Grafico Peso

E aqui está, semana a semana, a evolução do meu peso neste ano e meio. Com altos e baixos mas sempre com uma enorme força de vontade. Continuo a comer exactamente a mesma coisa só que em quantidades diferentes, sem dietas malucas. Desde 6 de Dezembro de 2004, data em que registei o peso pela primeira vez, baixei 17,6 Kgs e em relação ao meu peso “record” consegui reduzir 19 kgs. Neste momento sinto-me bastante mais leve (como um dente de leão) agora só me falta coragem para… repetir as análises…

Dente de Leão

Posted in Pensamentos, Saúde | 14 Comments »