Alegrão

  • calendário

    Novembro 2005
    S T Q Q S S D
    « Out   Dez »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930  
  • Entradas Mais Populares

  • Categorias

  • arquivo

Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada 2005

Posted by alegrão em Novembro 20, 2005

Hoje assinala-se o Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada.
Não há família portuguesa que não tenha tido contacto com esta triste realidade. O nosso país continua a estar tristemente no pelotão da frente da sinistralidade rodoviária.
Na próxima quarta-feira, completam-se seis meses que o actual código da estrada entrou em vigor. Na altura o legislador pensou que com mão pesada podia inverter a tendência das estatísticas, enganou-se!(1) É que os problemas não estão só no lado dos condutores. Há que ter em atenção o estado das viaturas que circulam e para isso criaram-se os centros de inspecção. Mas também há que ter em atenção ao estado das estradas. E aí, como é algo com a responsabilidade do próprio estado, não há pressa em legislar ou em aplicar a legislação que já existente.
Quando estudei para o exame de código, já lá vão mais de dez anos, existia uma norma que dizia que os reflectores colocados nas rodovias deveriam ser de cor branca ou amarela no lado esquerdo e de cor vermelha no lado direito da via. Ainda hoje, quando conduzo, procuro o primeiro exemplo que respeite a norma. Não sei se esta norma ainda está em vigor.
Mas outros factores existem na construção das estradas que podem potenciar os acidentes. Por exemplo auto-estradas com descidas/subidas como temos na zona de Fátima, curvas extremamente acentuadas para as velocidades permitidas em certas vias, má sinalização, má conservação, etc, etc, etc.
Outro factor que queria salientar, são as vias com mais que uma faixa de rodagem que convidam o condutor a evitar a faixa mais à direita. É que por vezes, ao respeitar o Código da Estrada (circular na faixa o mais à direita possível), somos confrontados com a obrigatoriedade de sair da via que pretendemos seguir. Mas o legislador pensa em tudo, e para evitar estas situações criou a possibilidade de utilizar as câmaras de vigilância para penalizar quem não circule o mais à direita possível. Portanto senhoras e senhores condutoras, cuidem-se!

(1) Os números podem ser verificados no site da DGV.
Notas:
Aconselho a todos uma visita ao site da PRP.
Cuidado com as notícias bombásticas! “Os acidentes de viação em Portugal são mesmo a principal causa de morte entre a população com menos de 25 anos.” Não são só os condutores jovens que são inconscientes. Saibam que o número de mortos com menos de 19 anos (sem carta) subiu 40% em 2005. É que na estrada, para além de condutores, existem também os conduzidos e os peões…
Anúncios

5 Respostas to “Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada 2005”

  1. Joao said

    Vê-se tanta, mas tanta asneira na estrada, que cada dia que passa tenho mais medo de conduzir! E não me venham dizer que é apenas distracção, porque distracções cometem-se de vez em quando, não se cometem umas atrás das outras em poucos quilómetros. Há pessoas que pura e simplesmente não deveriam ter obtido a carta, ou então, visto que a obteram, a mesma lhes deveria ser apreendida o quanto antes.

  2. Ok, muitas vias estão no estado q toda a gente fala….. mas circular mesmo coladinhos à traseira do nosso carro a 110km/h ou circularem na faixa do meio (sendo 3) a 50km/h tb é mto ou mais perigoso.
    Acredito q se os condutores tivessem educação civica, tudo seria diferente.

  3. Alegrao said

    joao: cartas da farinha amparo eheheh;
    siri: Concordo contigo, mas como eu digo no texto, o problema “não está só do lado dos condutores”. A principal forma de tratar do problema dos condutores é educar e fiscalizar de forma honesta. Não se educa a esconder carros nas bermas à caça da multa.
    O exemplo que nomeias é uma das coisas que mais me irrita, mas porque é que nunca vi a BT a multar condutores nessas situações na A5?

  4. “É que os problemas não estão só no lado dos condutores.” Ora aqui está uma grande verdade que parece não ser entendida pela generalidade daqueles que crucificam os condutores (não é que os condutores sejam santinhos, mas…) Jinhos***

  5. Alegrao said

    formiguinha: nem mais!!! ***

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: